Vacinas para janeiro em Teresina: quais os imunizantes essenciais?

As vacinas para janeiro em Teresina estão em dia por aí? Buscar pelos imunizantes indispensáveis para esta época do ano faz toda a diferença, afinal, ninguém quer perder o melhor do verão.

Com o calor e a umidade, os vírus e bactérias acabam se proliferando com mais facilidade. Por isso, garantir que todos da família (principalmente as crianças, que ainda estão formando seu sistema imunológico) estejam vacinados faz toda a diferença!

Mas, quais seriam essas vacinas para janeiro? A gente te conta nas próximas linhas!

As 3 vacinas para janeiro que não se pode esquecer

Hepatite A

A hepatite A é uma infecção do figado. Sua transmissão acontece através do contato com fezes infectadas. A doença pode causar uma série de sintomas, sendo os mais comuns: náuseas, febre e dores no corpo.

Felizmente, encontramos uma vacina totalmente eficaz para combater esta doença. A mesma é indicada para crianças entre 12 e 15 meses em duas dosagens com intervalo de 6 meses. 

No entanto, mesmo que esse período tenha passado, as crianças menores de 5 anos ainda têm garantido o direito de serem vacinadas (o mais rápido possível) pela rede pública de saúde.

E os adultos? Adultos também podem e devem buscar pelo imunizante, mas, para este caso, deve-se buscar por uma clínica de vacinação particular e checar a necessidade de outros imunizantes, como a contra a hepatite B, que pode ser aplicada em conjunto.

Rotavírus

Uma das vacinas mais importantes dos primeiros meses de vida dos bebês! Poucas pessoas sabem, mas o rotavírus afeta principalmente crianças menores de 5 anos e, em casos graves, pode ser fatal.

O rotavírus afeta diretamente o sistema digestivo, desmantelando a flora intestinal. Adultos também podem ser afetados, mas como já receberam a vacina, podem se recuperar dos sintomas em alguns dias.

Portanto, as vacinas são administradas em duas doses, aos 2 meses e aos 4 meses. É uma das principais vacinas de janeiro, pois previne diarreias e vômitos graves, mais usuais no verão.

Febre amarela

A febre amarela é uma doença transmitida por mosquitos infectados. É mais comum em estados e países tropicais, assim como em áreas densamente florestadas. No passado, vimos um surto da doença em diversas localidades, tudo porque muitas pessoas não procuram a vacinação.

A vacina é dividida em duas dosagens, a primeira aos 9 meses de idade e a segunda aos 4 anos de idade. Entretanto, como ainda não se sabe definitivamente por quanto tempo o efeito dessa vacina dura, a indicação atual é que ela seja buscada também por adultos e idosos, neste caso, sendo aplicada uma única dose.

Além disso, é importante destacar que, para quem vai viajar, esta é uma vacina essencial, sendo exigida em diversas localidades. Neste caso, o imunizante deve ser garantido com no mínimo 10 dias de antecedência da viagem.

Enfim, se cuidar é essencial e, com a chegada de um novo ano, rever quais as vacinas que estão faltando faz toda a diferença para garantir sua saúde em dia. Então, que tal contar com a Unidade Dr. Vacina Teresinapara te ajudar com a imunização da sua família? Você merece o melhor!

Patrícia Ruiz – COREN- SP 226-788 – Enfermeira Responsável Técnica. Concluiu a graduação de Enfermagem em 2009 na universidade UNIP – Sorocaba. Atua desde 2017 no Dr. Vacina.

FONTE

Vacinação. Biblioteca Virtual em Saúde. Consultado em 25 de janeiro de 2023.

Leia Também:

Quais as vacinas mais importantes para um bebê?

Quais são as vacinas dos dois meses para os bebês?